Notícias

Relatório investiga tendências de desinformação sobre a pandemia

23/11/2020 Por Rodrigo

Foi publicado hoje o Relatório de Pesquisa “Scientific [Self] Isolation”, que analisa as tendências de desinformação em diferentes países, de forma a compreender como os países se posicionam em relação à desinformação sobre a pandemia do novo Coronavírus. O estudo faz parte da pesquisa Democracia Infectada, iniciativa que junta esforços do Centro de Análise da Liberdade e do Autoritarismo (LAUT), do INCT.DD, da Atlantic Council’s Digital Forensic Research Lab (DFRLab) e do Vero Project.

O Relatório, que é a segunda publicação da série, destaca que as informações falsas sobre tratamentos da Covid19 uma combinação de memes de internet e humor político, os fatores essenciais envolvidos na sua produção e natureza mutável da paisagem digital que possibilita sua disseminaçãoseguem padrões regionais, mas que temas semelhantes são repetidos em diferentes países. Além disso, foi possível identificar que notícias sobre medicamentos como Cloroquina e Ivertimicina são frequentemente apresentadas enquanto especulação, mas no Brasil o tema permanece ativo no debate público como solução. Esses e outros resultados são apresentados e discutidos no Relatório que você pode obter abaixo:

Relatório Political Self Isolation